Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Moliceiro

por Ricardo Braz Frade, em 26.04.12

Moliceiros são os barcos típicos da Ria de Aveiro, banhada pelo rio Vouga, feitos de madeira de pinheiro e ornamentados com pinturas inspiradas na tradição popular. Movimenta-se com o empurrão da vara que finca o solo abaixo da água, da vela de lona e, quando é preciso, da sirga. São, na verdade, uma sub-categoria de um tipo de barcos que genericamente chamamos bateiras. Têm hoje uma aplicação sobretudo turística embora ainda, por vezes, sejam usados para o seu papel original, a apanha de moliço, plantas aquáticas usadas para fins agrícolas normalmente arrancadas de água com a ajuda de um ancinho - inicialmente eram até os próprios agricultores quem dava uso aos moliceiros, antes da apanha se ter transformado em profissão por si mesma.Caracteriza-se por ter um fundo chato e pela beleza decorativa das suas extremidades, quer a proa, quer a popa. Esta arte de ornamentação destaca-se pelas cores garridas usadas - os desenhos eram, amiúde, representações jocosas, humorísticas, históricas ou religiosas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:37

Bateira

por Ricardo Braz Frade, em 25.04.12

Barco usado pelos avieiros aquando da sua migração de Vieira de Leiria até ao Rio Tejo e, por vezes, ao Sado. A sua vida era feita na embarcação e por isso tinha divisões próprias de uma casa: um quarto, uma cozinha e uma oficina. Mais tarde, muitos destes pescadores vieram mesmo a fixar-se nas margens do rio, em pequenas casas de caniço e madeira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:50


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D



Analytics